Sexta, 20 de Maio de 2022
12°

Poucas nuvens

Capão da Canoa - RS

Polícia Polícia

Polícia Civil prende quadrilha que aplicava "golpe da jardinagem" no litoral

Criminosos enganavam as vítimas, quase sempre idosos, para aplicar os golpes

27/04/2022 às 10h43
Por: Redação
Compartilhe:
Foto: Divulgação / Polícia Civil
Foto: Divulgação / Polícia Civil

Na manhã desta quarta-feira (27), a Polícia Civil, através da Delegacia de Polícia de Balneário Pinhal, desencadeou a Operação Soterrados. Foram cumpridas doze ordens judiciais, todas na cidade de Porto Alegre, resultando na prisão de quatro indivíduos.

A ação contou com 54 policiais do Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC), Delegacia de Homicídios de Alvorada, Central de Termos Circunstanciados, 5ª Delegacia de Polícia Distrital de Porto Alegre e da Coordenadoria de Recursos Especiais (CORE) da Polícia Civil, incluindo a Divisão de Operações  Aéreas.

Durante as investigações, foram identificados e reconhecidos os indivíduos responsáveis por realizar diversas fraudes no verão deste ano no município de Balneário Pinhal. Apurou-se ainda que parte dos suspeitos já possuíam antecedentes por terem perpetrado o mesmo crime em datas anteriores em outras regiões do Estado e também de Santa Catarina. Sob pretexto de aplicar terras para jardinagem, o grupo se utilizava de diversas formas de para enganar as vítimas, quase sempre pessoas idosas, obtendo vantagem em prejuízo destas, utilizando uniformes e veículos adesivados de empresas de fachada e/ou já encerradas na Junta Comercial do Estado.

Entre as modalidades, sempre se utilizando de meios para distrair as vítimas, ora inseriam valores muito acima que os contratados, ora sustentavam às vítimas terem utilizados produtos em quantidades muito superior ao previamente estimado, ora simplesmente realizavam diversas e seguidas transações variando entre as modalidades de crédito e débito, sempre argumentando que estava ocorrendo erro na transação. Utilizavam ainda além de instituições financeiras on-line, transferências para terceiros “laranjas” com o objetivo de dificultar ainda mais o rastreio do dinheiro pela Polícia. Estima-se que o prejuízo causado é superior a R$ 30.000,00, somente em Balneário Pinhal, não se descartando a hipótese de existirem mais vítimas em outras cidades do litoral, e também que não comunicaram a ocorrência do crime à Polícia.

Diversos objetos e documentos foram apreendidos no dia de hoje, os quais serão analisados ao longo das investigações, que prosseguem com vistas a identificar novas vítimas e apurar delitos correlatos. Após os atos de polícia judiciária, os presos serão encaminhadas ao sistema prisional.

Balneário Pinhal - RS
Balneário Pinhal - RS
Sobre o município Notícias de Balneário Pinhal
Capão da Canoa - RS Atualizado às 01h08 - Fonte: ClimaTempo
12°
Poucas nuvens

Mín. 10° Máx. 19°

Sáb 20°C 8°C
Dom 20°C 11°C
Seg 23°C 13°C
Ter 25°C 14°C
Qua 17°C 11°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes